Equipa Askblue

Empresa de consultoria aposta nos mercados do Médio Oriente e Norte da Europa

Com o foco no mercado internacional em 2019, a askblue aposta essencialmente nos mercados do Médio Oriente e do Norte da Europa, nomeadamente no Dubai, na Arábia Saudita e na Holanda. Assim, prevê alcançar um volume de exportação de 750 mil euros neste primeiro ano.

Fundada em 2013 por quatro sócios, Pedro Nicolau, Sofia Bastos Santos, Rui Couto e Ana Rosado, a askblue é uma empresa de consultoria vocacionada para o desenvolvimento de projetos em diferentes setores (financeiro, utilities, saúde, indústria e retalho), que tem como prioridade a resposta eficaz aos mais complexos desafios tecnológicos e de negócio dos seus clientes.

A principal missão da empresa é colaborar com os clientes através do desenvolvimento e implementação de novos negócios, da identificação e exploração de oportunidades de desenvolvimento, da otimização e transformação do desempenho operacional, e do alinhamento da estratégia e dos objetivos das tecnologias de informação com a estratégia e os objetivos do negócio.

No ano passado, a askblue atingiu um volume de negócios de aproximadamente 7,9 milhões de euros, o que corresponde a um crescimento de 66 por cento em relação ao ano anterior. Embora o seu foco principal continue a ser o mercado nacional, a empresa avalia as possibilidades de crescimento no mercado internacional.

As perspetivas para 2019 são positivas e de continuação de crescimento. Tendo como base de análise o comportamento do primeiro trimestre de 2019, em que a empresa atingiu um resultado de 2,4 milhões de euros, é expectável que este ano sejam ultrapassados os 10 milhões de euros em resultados anuais.

Para conseguir responder ao número crescente de solicitações por parte dos clientes para novos projetos, a askblue prevê aumentar o ritmo de contratação e formação de consultores, estando previsto o crescimento da equipa com mais 70 consultores.

Em 2019, a empresa tem apostado no desenvolvimento do mercado internacional, prevendo atingir um volume de exportação de 750 mil euros neste primeiro ano. Para atingir este objetivo, a empresa investiu numa equipa dedicada ao desenvolvimento dos mercados do Médio Oriente e do Norte da Europa. Atualmente já estão em curso vários projetos no Dubai, na Arábia Saudita e na Holanda, precisamente as principais regiões de aposta

No mercado internacional, a askblue tem vindo a desenvolver aplicações informáticas à medida. Estes projetos passam pela identificação dos requisitos do cliente, o desenho da aplicação e a sua implementação na tecnologia mais apropriada. Na Arábia Saudita, a empresa encontra-se a desenvolver uma aplicação semelhante ao Uber Eats para uma organização que tenciona comercializá-la nesse mercado.

Como resposta aos desafios apresentados pela evolução do negócio e pelos pedidos dos seus clientes, a empresa lançou, em janeiro de 2019, uma nova “Business Unit”, que tem como principal responsável Miguel Freire, partner da askblue. Esta “Business Unit” está dedicada à área de serviços de manutenção aplicacional, os quais podem ser executados nas instalações do cliente ou no centro “atc – askblue technology center”, que funciona nas instalações em Lisboa e num novo espaço em Coimbra, a operar desde fevereiro deste ano.

Segundo Pedro Nicolau, CEO da askblue, “A empresa distingue-se cada vez mais no mercado nacional e internacional, devido à diversificada experiência profissional da sua equipa, constituída por profissionais reconhecidos pelo trabalho desenvolvido, bem como à proximidade e compreensão das necessidades dos seus clientes, que permite desenvolver novos negócios, potenciar a cadeia de valor e otimizar e transformar o desempenho operacional em cada projeto desenvolvido. Além disso, é ainda importante referir o compromisso, a flexibilidade e a qualidade dos nossos serviços

Share on linkedin
Share on facebook